Escolha uma Página

24 covers: as melhores homenagens ao Joy Division!

por | 24 maio 2017 | #AsteroidNews, Blog, Listas | 0 Comentários

Metal, punk, indie, reggae, eletrônica. Você vai se surpreender com algumas das versões em tributo à banda inglesa.

Por Renan Pereyra

Apesar da curtíssima e meteórica carreira, o Joy Division foi sem dúvidas uma das bandas mais influentes da história. Prova disso é essa lista com 24 versões do grupo inglês, tocadas pelos mais diversos artistas e bandas: do indie rock do The Killers ao gothic metal do Moonspel, passando pelo post-rock instrumental do Tortoise e pela versão reggae de “She’s Lost Control”, da Grace Jones. A playlist traz ainda nomes clássicos, como Radiohead, The Cure, LCD Soundsystem, Bjork e Arcade Fire.

No mês que marca a triste despedida de Ian Curtis (ele cometeu suicídio aos 23 anos, em maio de 1980), o Asteroid preparou um show especial com a Warsaw, banda que presta tributo aos ingleses e deve tocar hits e b-sides por aqui nessa quinta-feira (25 de maio). Confirme presença aqui para ganhar desconto na entrada e veja outras informações na nossa agenda. A listinha abaixo fica como preparação para essa noite que promete ser única!

———————————————————————————————————————————-

Radiohead – Ceremony

“Ceremony” foi uma das últimas músicas escritas por Ian Curtis, lançada posteriormente também como single de estreia do New Order. Com o Radiohead, a faixa ganhou uma levada mais melódica.

Moonspell – Love Will Tears Us Apart

A banda portuguesa de doom/gothic metal Moonspell se destacou com uma versão heavy metal marcante para “Love Will Tears Us Apart”, grande hit do Joy Division.

The Killers – Shadowplay

“Shadowplay”, do Unknown Pleasures (1979), é outra canção que conta com inúmeros tributos. Um dos mais recentes foi o da banda indie The Killers, que incluiu o single em uma compilação de b-sides intitulada Sawdust.

The Distillers – No Love Lost

Abaixo o The Distillers toca “No Love Lost”, presente no EP de estreia An Ideal For Living (1978). Fodástico, é a única coisa que eu posso dizer.

The Horrors – No Love Lost

Há também quem prefira a versão shoegaze da inglesa The Horrors. Já se tornou praxe o grupo tocar essa faixa ao vivo.

Clan Of Xymox

A banda darkwave/gothic oitentista holandesa, Clan Of Xymox, representou nessa releitura da melancólica “Decades”, do Closer (1980).

Nine Inch Nails e Peter Murphy — Dead Souls

Trent Reznor (Nine Inch Nails) não cansa de fazer homenagens e declarações de amor ao Joy Division. Aqui ele se junta a Peter Murphy (Bauhaus) para essa versão belíssima de “Dead Souls”. Outras versões incríveis da dupla podem ser facilmente encontradas na web.

Cool Kids Of Death – Disorder

“Disorder”, a faixa debut de Unknown Pleasures, ganhou uma versão visceral da banda punk polonesa Cool Kids Of Death. Na minha opinião uma das mais legais dessa lista. Dá o play!

The Cure – Love Will Tear Us Apart

Aqui o clássico volta a ser interpretado por outra banda de expressão. Dispensa comentários. Afinal, qualquer coisa que tenha o Robert Smith (The Cure) envolvido tem probabilidade zero de dar errado.

Swans – Love Will Tear Us Apart

Swans é uma influente banda post-punk norte-americana. Foi formada em 1982 pelo cantor, compositor e multi-instrumentista Michael Gira e acabou 1997. Voltou à ativa em 2010. Essa versão é interessante por ter explorado uma veia mais pop, com intensos violões e backing vocals suaves.

Jack Killed Jill – Walked In Line

Banda punk norte-americana executando um irreverente tributo a “Walked In Line”.

LCD Soundsystem – No Lost Love

Outra banda gigante inspirada por Ian Curtis e sua trupe. LCD Soundsystem, de NY, é uma das precursoras do dance-rock eletrônico e tem à frente o criativo produtor James Murphy, que também é co-fundador do da DFA Records. A melhor versão de “No Love Lost”.

Grace Jones – She’s Lost Control

Agora parem tudo e ouçam isso! Grace Jones, cantora e atriz jamaicana radicada nos EUA, brilhou muito nessa sacada de tornar a gótica “She’s Lost Control” numa versão reggae. Sensacional!

Low – Transmission

Uma incrível versão slow-core de “Transmission” pela banda dream-pop Low.

Pink Mountaintops – Atmosphere

E como seria se o Velvet Underground tivesse feito um cover de “Atmosphere”? O Pink Mountaintops – banda canadense que segue à risca a cartilha da música psicodélica – responde.

Adrian Borland – Love Will Tear Us Apart

Adrian Borland (The Sound) conseguiu me tocar com essa versão acústica de “Love Will Tear Us Apart”.

Tortoise – As You Said

“As You Said” é um B-side presente no Warsaw, planejado disco de estreia do Joy Division que foi cancelado devido a decepção da banda com o resultado. Algumas das canções do disco entraram em EPs clássicos, mas o álbum na íntegra só ganhou vida em 1994. Um prato cheio para o experimentalismo do Tortoise, banda instrumental de post-rock formada em Chicago (EUA), em 1990.

Moby – New Dawn Fades

Moby registrou sua homenagem ao Joy Division com “New Dawn Fades” no disco Feeling So Real (1994).

Pipe – Warsaw

Em 1992, Pipe-Ron Liberti (vocal), Mike Kenlan (guitarra), Dave Alworth (baixo) e Chuck Garrison (bateria), ex-baterista do Superchunk, formaram a Pipe – banda punk que fazia um som autêntico e implacável. O grupo chegou a excursionar com o Bad Brains, mas infelizmente uma série de imprevistos acabou com o projeto precocemente. Um dos registros que marcaram a curta trajetória do quarteto foi essa versão pedrada de “Warsaw”.

Smashing Pumpkins – Transmission

Smashing Pumpkins tocando “Transmission” ao vivo. ❤

Björk – Atmosphere

Mais uma versão de “Atmosphere”, dessa vez pela inigualável Björk.

Kings Of Convenience – The Eternal

O duo folk-indie-pop também registrou seu apreço ao Joy Division, tocando a faixa “The Eternal”.

Karma To Burn – 24 Hours

E teve até versão da banda stoner Karma To Burn para “24 Hours”, a minha favorita do Joy Division.

Arcade Fire & U2 – Love Will Tear Us Apart

O áudio e imagem não estão lá aquelas coisas, mas não poderia deixar de encerrar essa lista com o Arcade Fire tocando “Love Will Tear Us Apart” feat. Bono Vox (U2). Dois gigantes do rock homenageando outra banda gigante.

E aí, faltou alguma? Posta aí nos comentários pra complementa a lista!

0 comentários

Diga algo! Adoramos saber a sua opinião.

Pin It on Pinterest